Arte com Papel

braceletes

Aprenda a Fazer Diferentes Pulseiras Para Homens, Mulheres e Crianças

Compartilhe

As pulseiras são um tipo de acessório bem versátil e não necessariamente somente mulheres e meninas usam no dia a dia. Cada vez mais homens têm incorporado esse elemento aos seus looks para dar um visual diferente.

E da mesma forma que elas são versáteis, existem muitos materiais que podemos usar para criá-las.

Hoje eu estou aqui justamente para te ensinar como fazer diferentes tipos de pulseira, mostrando inclusive que elas podem acabar se transformando em uma fonte de renda para você.

Se você ficou curiosa, continua lendo o artigo de hoje, pois eu trago várias sugestões bem legais!

Vamos lá!

Modelos feitos com linha

Foto: yoyo-mom

Pulseiras feitas com linha são os modelos mais variados o possível. Podemos montar uma que seja em um estilo de dégradé, ou até mesmo que misture diferentes cores. Elas são bem simples de se confeccionar e não são necessários nenhum tipo de equipamento especial além da linha.

Há que conheça esse tipo de arte como pulseira da amizade e dar ela para alguém significa que aquela pessoa é demasiado importante na sua vida, tanto que você dedicou parte do seu tempo para montar aquela peça de acessório para ela.

As pulseiras da amizade surgiram nos Estados Unidos lá na década de 70 entre os jovens e adolescentes. Inclusive ela tem uma pegada meio hippie, sem deixar de ser fashion. E de lá para cá ela continuou sendo usada ao longo dos anos. (Veja mais aqui sobre o estilo hippie)

E o que talvez você não saiba é que cada cor que você escolhe para fazer a pulseira do seu amigo tem um significado diferente. O azul, por exemplo, significa que a pessoa é leal, o vermelho, que é honesto, o amarelo alegre e assim por diante. Então não significa apenas escolher cores aleatórias, mas sim pensar na pessoa que você vai presentear.

Já que te apresentei um pouco da história dessas pulseiras, nada mais justo do que te ensinar a fazer. Sendo assim, anote os materiais que serão utilizados:

  • Linha para bordado (em duas cores diferentes)
  • Tesoura
  • Um suporte e um preguinho ou alfinete que possamos furar esse suporte para servir de apoio para a nossa pulseira

Passo a passo:

  1. Primeiro você irá cortar 4 fios de aproximadamente 70cm, sendo dois de cada cor de linha e depois vai dobrar ao meio (sem cortar), para que fiquemos com 8 pedaços no total.
  2. Em seguida, prenda as linha no seu suporte sempre alternando as cores.
  3. A partir desse ponto, vamos trabalhar sempre com nozinhos. Faremos um nó duplo em três cordas seguidas do lado esquerdo e depois repetimos a mesma coisa no lado direito.
  4. Quando chegarmos ao meio daremos um nó duplo e você começará a ver uma espécie de V se formando.

Para ficar mais fácil de visualizar, tenho uma figura com o passo a passo para você não se confundir.

Foto: yoyo-mom

No final basta você fazer uma espécie de laço de um lado da pulseira e dois rabinhos de linha do outro para conseguir amarrar. O mais legal nesse tipo de pulseira é que dependendo de como é feito o nó você terá um padrão completamente diferente no final.

Separei alguns modelos para você perceber o quão diversificada pode ficar sua pulseira da amizade feita com linha de bordado.

Pode ser que no início você sinta alguma dificuldade no meio de tanto nó e tranças, mas com certeza depois que você pegar o ritmo vai ficar tudo mais fácil.

DICA: Você pode utilizar essas pulseiras ainda como lembrancinhas em um aniversário e junto delas um cartãozinho explicando o que significa cada cor da pulseira que o convidado pegou. Acho que acaba sendo um presente bem interessante para quem foi à festa. Vejas outras ideias de lembrancinhas aqui

Pulseira com miçangas e pingentes

Miçangas também são bastante utilizadas quando fazemos pulseiras e podemos incorporá-las à nossa peça sozinhas ou com outros elementos como barbantes e tiras de couro sintético.

Alguns artesãos preferem trabalhar com miçangas maiores, já outros optam por aquelas que são bem pequenas e aproveitam para fazer verdadeiras obras de arte através de padrões indígenas e africanos.

Lembrando que as miçangas e os fechos, bem como qualquer outro material que você vá precisar para confeccionar suas pulseiras são facilmente encontrados em lojas especializadas em artigos de bijuteria e são bem em conta. Talvez você só pague um pouco mais caro no alicate.

Pulseiras avulsas


Foto Elo7 por Memphis acessórios

Olha que legal esse modelo de pulseira com miçangas, que na verdade são várias avulsas que compõem um elemento só. Dá para usar miçangas de resina, imitando pérolas e até mesmo aquelas de madeira, tudo vai depender da sua criatividade.

Vamos então aos materiais utilizados:

  • Miçangas coloridas
  • Fios de nylon elástico
  • Pingentes variados
  • Tesoura

Passo a passo:

  1. Primeiro corte tiras do fio de nylon elástico de modo que não fiquem nem muito apertado nem muito largo no pulso de uma pessoa.
  2. Em seguida você dará uns nós em uma das pontas do fio para que ao colocar as miçangas elas simplesmente não saiam pelo outro lado.
  3. Depois vão colocando as miçangas e os pingentes conforme achar melhor e quando chegar perto do final deixe sempre um pedaço de fio de nylon para amarrar as duas pontas (coloque miçangas o suficiente para não fica aparecendo partes do fio).

Viu como é fácil? Você pode fazer quantas pulseiras quiser e usar miçangas do tamanho que preferir.

Pulseira de miçangas com padrão


Foto: Elo7 por Katia Khomenko

Como eu disse anteriormente, pulseiras como essa são verdadeiras obras de arte e exigem um trabalho bem maior do artesão. Por consequência, o valor delas também é bem maior e algumas chegam a custar acima de R$50,00.

Os materiais são os mesmos que utilizamos acima, a diferença é que aqui vamos usar um tipo de fecho que você encontra em lojas que vendam artigos de bijuteria. Aqui também é importante que você conte quantas miçangas vão em cada linha para que o desenho saia certinho.

Como as miçangas são bem menores, eu te aconselho a utilizar uma agulha bem fininha para passar o fio elástico pelas miçangas. Isso vai acabar te poupando tempo.

Quando estiver fazendo a pulseira vá colocando cada camada de miçangas e quando chegar ao final passe a agulha por dentro das miçangas voltando ao começo (quase como e estivesse costurando) e aí você reinicia a carreira. Ao terminar é só passar o fio que sobra pelo fecho e dar um nó para não escapar.

Eu sei que parece difícil, mas com treino logo você pega a prática e passa a fazer modelos mais elaborados.

O interessante nas pulseiras de miçangas é que elas são super rentáveis e costumam ter boa saída com os clientes. Inclusive você pode investir em conjuntos completos com pulseira, colar e brincos, por exemplo. Indo em uma loja que venda miçangas você vai ver o tamanho da variedade que existe, te possibilitando fazer modelos dos mais despojados até os mais chique. Tanto para mulheres, quanto para homens ouviu?

Pulseirinha de elástico

Essas pulseiras de elástico são bem fáceis de fazer e viraram febre entre crianças e adolescentes. Tanto que muito acabam fazendo para vender dentro das escolas (é o espírito empreendedor desde cedo).

Para fazer pulseiras como essas você vai precisar de um kit que eu vou mostrar logo aqui embaixo junto com o passo a passo em fotos, que eu acho que fica melhor do que se eu for explicar cada movimento. Então dá uma olhada como fazer:

Foto: supermastereslass

Para quem já fez crochê, essa técnica lembra um pouco então talvez você não tenha maiores dificuldades.

DICA: Quando você compra o kit ele já vem com vários tipos de elásticos em diferentes cores, mas você também pode adquiri-los avulsos o pacotinho de um determinada cor em lojas de bijuteria.

Bracelete em couro

E para fechar com chave de ouro, um tipo de pulseira que os homens tendem a gostar bastante por ser mais discreta são os modelos feitos em couro sintético, como esses aqui embaixo:

Foto: Wish

Iremos precisar de tiras finas de couro e com elas poderemos fazer tranças mais apertadas, mais largas, ou até mesmo deixar solto, como é possível ver na foto acima. Vale lembrar que é possível encontrar essas tiras em diversos tons, então temos uma variedade boa de peças para fazer.

Com um look mais despojado elas ajudam a dar um visual bem legal para o homem.

Chegamos ao final de mais um artigo e hoje aprendemos a fazer diferentes tipos de pulseiras, das mais simples até as mais complexas. Vimos também que elas podem ser vendidas a preços ótimos dependendo do material utilizado e da complexidade. E não importa se você é mulher, homem ou até mesmo criança, elas são acessórios bem versáteis e bonitos de se usar.

Se você deseja começar a vender, mas não sabe ainda como colocar o preço das suas peças nossa calculadora de preço de artesanato pode ser uma ótima ferramenta para te ajudar a conseguir tirar o melhor proveito do seu trabalho.

Não esquece de deixar o seu feedback aqui nos comentários, pois ele é muito importante.

Arte Com Papel: Acreditamos Que Com Arte o Mundo Pode Ficar Ainda Melhor. Por Isso Compartilhamos Ideias Simples Que Podem Ser Feitas Em Sua Casa.

Deixe um comentário