Arte com Papapel

Loja artesanato

Veja isso antes de montar sua loja de artesanato online

 

 

Se você é um fabricante de produtos feitos à mão, ou seja, um artesão, e está procurando dicas de como montar sua loja de artesanato online, esse artigo é exatamente feito para você! Hoje iremos falar desse assunto, que diversas pessoas possuem diversas dúvidas.

Por si só, o artesanato é comumente visto por diversas pessoas, como somente um hobby, mas não é exatamente assim, não é mesmo?

Claro que não! Se você trabalha com artesanato, nada pode lhe impedir de criar o seu próprio negócio. E não é à toa, que cada dia vemos mais lojas de artesanato online na rede, deixando o trabalho de milhares de artistas mais conhecidos.

Uma dificuldade muito comum entre a maioria dos empreendedores, ao criar seu negócio próprio, são as questões que podem diferenciá-los no mercado.

Quando você opta por vender mercadorias comuns, como videogames, óculos ou relógios, será um pouco difícil conseguir inovar em variedade de produto, fazendo com que você acabe vendendo mais do mesmo.

E qual é sua saída, para vender mais? Oferecer preços cada vez mais baixos, fazendo com que os clientes optem por comprar os produtos com você, mesmo com tanta opções de lugares para compra.

Porém, não é isso que ocorre no mercado de artesanato, porque não são assim que as coisas funcionam. Ao criar produtos feitos à mão, os mesmos já possuem a grande vantagem de serem exclusivos.

Ou seja, não irão existir muitas unidades, fazendo com que você possa agregar valor ao seu produto, dando a você, maior flexibilidade no momento de estipular o preço de suas peças.

Mas e para montar sua loja de artesanato online?

Você provavelmente, ao ler milhares de tutoriais e passo a passos de como montar uma loja de artesanato online, deve ter visto que o primeiro caminho é optar por uma plataforma ou mesmo, criar um site, no momento de inicializar uma operação de comércio eletrônico.

Pode ser muito mais simples do que você imagina. Primeiramente, você vai precisar tirar boas fotos de seus produtos, e investir na validação do mesmos. Por que? Para primeiro colocá-los no mercado, entendendo se existe realmente interesse de clientes, pelos seus produtos.

Crie inicialmente uma página no Facebook ou Instagram, e comece a postar fotos de seus produtos e veja como é a aceitação do público. Dessa maneira, você pode começar a vender via Mercado Livre ou mesmo por contatos de mensagens diretas dessas redes sociais, vendo como é o fluxo de venda de seus produtos.

Caso o seu processo de criação de produtos, seja consideravelmente rápido, você pode começar hoje mesmo anunciar os seus primeiros produtos.

E se acaso tiver, reservas suficientes, a dica é investir em posts patrocinados, em redes sociais, ajudando no encaminhando do processo de validação de seus produtos, e fazendo você entender o que realmente está sendo oferecido aos seus clientes, mas prestando atenção ao valor dos mesmos, não aos olhos de seus clientes.

Comece estudando sobre negócios

planejando negocio para venda de artesanato

Depois de passar por essa primeira etapa, de divulgação dos seus produtos, é chegado o momento de profissionalizar o seu próprio negócio.

Muitas pessoas trabalham com artesanato, não possuem conhecimentos gerais sobre negócios e gestão de pequenas empresas, e uma dica muito importante, mesmo que seja somente uma loja online, é se aprofundar no estudo de negócios.

Por que isso é importante? Porque ao abrir sua loja de artesanato online, conseguindo definir bem o seu público-alvo, aprender a lidar com contabilidade, contratação de colaboradores, como expandir seu próprio negócio e etc., e você vai precisar levar tudo isso a sério.

Por que atuar em um nicho definido?

escolha o nicho para atuar

Mesmo que você seja um artesão, que tenha gosto por criação de peças variadas, e que possam servir a diferentes tipos de públicos, não podemos deixar essa recomendação de lado.

É muito importante você reunir seus esforços, buscando a direção em um nicho específico de clientes, ou seja, focar em um público-alvo.

Quando você cria qualquer tipo de negócio, precisa encontrar qual é o cenário ideal e de qual grupos de pessoas que você terá que “chamar a atenção”, para que elas decidam comprar os produtos diretamente de você.

E outro ponto, saber fazer a sua própria identificação, pois os clientes vão se engajar a sua marca própria, comentar sobre ela, gerando recorrência para o seu caixa.

Caso você atue com o artesanato, para diferentes públicos, sua empresa pode acabar não sendo reconhecida no mercado, como especialista em algo, por exemplo.
O que pode aumentar as chances de poder perder o foco, cair no esquecimento do público e consequentemente, não ter o sucesso que você espera com sua loja de artesanato online.

Analise todas essas dicas antes de criar sua loja de artesanato online, e não tenha prejuízos no momento de sua criação. O intuito de uma loja de artesanato online, não é somente vender os seus produtos, mas sim fazer com que você seja reconhecido no mercado e as pessoas passem a procurar por seus serviços. Boa sorte!

 

 

 

Fonte imagens

www.pixabay.com

tipos de materiais utilizados no artesanato

Dicas de material diferentes para usar no artesanato

 

 

Uma das melhores partes do artesanato certamente está na sua criação de objetos que mesmo simples são de alta qualidade, aqui, não existe uma linha de produção definida ou mecanicista.

A criação de todas as peças vem por base de um trabalho manual e com a sua diversidade podem trazer diversas formas e características para cada criação.
Pensando nessa diversidade, trouxemos dicas de diferentes materiais dos quais podem ser utilizados na criação de trabalhos artesanais.

Dicas de material diferentes para usar no artesanato

Artesanato com Reciclagem

luminaria com material reciclado

A reciclagem no meio artesanal não é tão incomum quanto pode parecer para alguns. O material reciclado além de ser um grande contribuinte para o meio ambiente ajuda o artesão a economizar bastante com o material.

Existem hoje vários objetos que são compostos por materiais recicláveis, mas que não mão de ótimos fabricantes se tornaram obras de arte.
Com esse tipo de material você consegue criar vasos de flor, fruteira criadas a base de disco de vinil, adquirindo pneus usados e fazendo-os se tornarem uma linda mesa de centro, a comum garrafa pet também ganha destaque, sem esquecer de mencionar as caixinhas de leite.

Quem nunca ouviu falar da luminária feita com colheres de plástico? Ou uma mesa de centro criada com base em caixotes de feira?
São certamente esse tipo de criatividade que torna o artesanato um destaque.

Artesanato com Papel Contatc

gaveta decora da com papel contact

Com a diversidade de cores, o papel contatc está entre as melhores opções de material quando falamos de artesanato. Não somente usado para trabalhos escolares, mas também trabalhos profissionais necessitam algumas vezes desse tipo de papel. (Aprenda mais sobre tipos de papéis clicando aqui.).

Entre uma das maiores vantagens de utilizar esse tipo de papel é o fato de ele ser barato e encontrado em qualquer papelaria.
Ele pode ajudar não somente para decorar por inteiro o ambiente de um quarto por exemplo, mas também pode complementar outros objetos.

Artesanato com Sabonete

kit de sabonete artesanal

Outro material que você consegue fazer lindos trabalhos e criativos quando o assunto é artesanato são os sabonetes.
Quando se fala em trabalhar com esse tipo de material, criatividade não pode faltar, afinal de contas, são animais desenhados, objetos entre outras coisas que se pode modelar com o sabonete e torná-lo uma ótima forma de rentabilidade.

Os produtos costumam ser vendido para eventos de lembrancinha e em hotéis onde a diversidade artesanal com sabonetes ganham destaque.

Artesanato com Latas

luminarias feitas com latas

Outra boa forma de você conseguir fazer boas produções com artesanato é o trabalho com latas, que podem ser de tinta, de óleo, de Nescau entre outras opções.
O que se melhor faz com esse tipo de material, além de vasos, são as conhecidas luminárias.

Além de ter um design que cabe em todos os tipos de ambiente, as luminárias são ótimas para decoração, sem esquecer de mencionar que é um item interessante quando o assunto é iluminação.

Os estilos podem ser variados, o modo de preparação também, mas certamente, esse tipo de trabalho artesanal não deixará a desejar.

Artesanato com Biscuit

Muito pouco provável que você não tenha ouvido falar ou até mesmo ter comprado um produto do qual tenha sido feito com base em Biscuit.
Com as características desse material você consegue executar diversos trabalhos manualmente e criar objetos, personagens de filmes, séries entre outros itens, ou até mesmo fazer um personalizado, a pedido do cliente.

É importante que você saiba exatamente como trabalhar com esse tipo de material, pois o mesmo pode ao mesmo tempo lhe dar uma ótima renda mensal, mas também um prejuízo caso você não saiba nada sobre ele e decida sair por aí produzindo.
Use a sua criatividade com o material, mas use-a com sabedoria.

Artesanato com Pintura

Outra forma bastante conhecida de você conseguir produzir e ganhar uma grana extra é a pintura em tecidos ou em qualquer outro tipo de pano ou local.
Certamente você tem ou já foi lhe oferecido produtos que contêm pinturas que foram feitas à mão. Suas características pinturas são diversas, muitas vezes é a gosto do cliente o que pode tornar esse tipo de trabalho ainda mais atrativo.

O preço para que você possa começar a criar esse tipo de trabalho é bem em conta, podendo ser bastante produtivo e nem um pouco maçante, pois você poderá criar diversas formas com um mesmo trabalho. Tudo isso irá depender da sua criatividade.

Conclusão

Podemos concluir desta forma que os tipos de materiais artesanais conseguem ser variados, ajudando assim no desenvolvendo da criatividade e produção dos objetos artesanais.

Com a diversidade, dificilmente os trabalhos artesanais podem se tornarem repetitivos, pois o manuseio com o mesmo material se pode fazer diversos trabalhos.
Portanto, utilizar a diversidade dos itens que o artesanato nos proporciona pode lhe ajudar a desenvolver trabalhos mais avançados e de maior qualidade, conquistando assim uma maior rede de pessoas para que você possa ter uma rentabilidade maior no seu trabalho.

 

Deixa um comentário abaixo dizendo qual material você costuma usar nos seus artesanatos 🙂

 

Fonte imagens

  1. blog.consumercrafts.com
  2. http://ideav.club
  3. www.hometalk.com
  4. www.diyprojects.com
  5. www.pexels.com
ideias de artesanato feito com papéis

Ideias de artesanato feito com papel

 

 

Muito utilizado no meio artesanal por ser um material simples, barato, mas que contém grande serventia, o papel ganha força com a sua variedade e textura.
Em alguns trabalhos pode-se com facilidade fazer algumas mudanças com a diversidade da textura, modificando assim todo o trabalho.

É bem verdade que os objetos são bem comuns quando o material em si é o papel, entre eles está flores, animais, bonecas e até enfeites de parede. Pensando nisso, trouxemos alguns tipos de trabalhos que podem ser feitos com papel e um simples passo a passo. (Descubra papéis diferenciados  clicando aqui)

Ideias de artesanato feito com papel

Cortinas feitas com papel crepom

cortina artesanal feita com papel crepom

Para que você consiga fazer uma decoração com o papel crepom você irá precisar de fita colorida e fita adesiva dupla face, régua, tesoura, lápis. Já o papel crepom é escolhido conforme for do seu desejo. Separe todos os materiais que você irá utilizar.

Comece fixando uma fita na parede que irá delimitar onde ficará a sua cortina. Sem abrir o papel crepom ainda, marque por ele o tamanho das tiras de forma igual.
Corte então todas as tiras e depois cole essas mesmas tiras uma do lado da outra, com a fita dupla face. Para aparentar sofisticação coloque uma tira na parte de cima cobrindo as tiras e está pronta.

Existe outros modelos de cortina com papel crepom, entre eles está cortinas com papel crepom torcidas que costumam ser utilizadas em decoração de aniversários.

Flor para decoração feita de papel

flores de papel artesanal

As flores são definitivamente um dos principais objetos feitos com papel dentro do mercado artesanal, pois além de serem sofisticadas, para fazê-las não se tem grande trabalho, sem esquecer de mencionar que o custo também para desenvolver esse tipo de projeto é bem baixo e esse tipo de artesanato é sempre o mais buscado no mercado.

Utilizadas para decorar festas de pequeno, médio e grande porte e até mesmo para decorações em casa, elas também são vistas como uma ótima forma de lembrancinha em festas específicas.

Para que você consiga fazer uma linda flor é preciso que você tenha em mãos os seguintes materiais, que irão lhe auxiliar na execução:
Papel sulfite de várias cores, pincel, tesoura, cola de papel, palito de madeira, tinta e caneta.

Comece pintando o palito que será a haste da flor, ou seja, de preferência que a cor da tinta seja marrom, em seguida pegue o papel sulfite de diversas cores e use a caneta para demarcar o desenho das pétalas e recorte em seguida.

Junte todas as pétalas, uma a uma, fazendo o contorno e deixando um espaço no centro para poder ser o miolo.
Aqui você também pode fazer várias camadas na sua flor.

Ou seja, faça pétalas menores e vai colando sobre as outras, até ela ficar volumosa.
Após finalizada, você pode pintar se preferir, aproveite para corrigir alguns erros que possam ter sido cometidos.

Mascará de Carnaval

mascara de carnaval feita de papel

O período do carnaval é realmente muito festivo em diversas regiões, pensando nisso, a nossa última ideia não poderia faltar a máscara de carnaval, que além de ser uma forma de decoração, pode ser utilizada nesse período de festa.

Essa também é uma das opções de fazer com que as crianças coloquem a mão na massa, para que elas desenvolvam a criatividade juntamente com o educador ou até mesmo em casa em conjunto com a família ou amigos.

Para começarmos, você irá precisar de uma tesoura, cartolina, algum item do qual você terá que colocar para segurar a máscara, pode ser um elástico ou até mesmo um palito, que são as opções mais conhecidas, pape laminado, fita adesiva e cola, sem esquecer de mencionar as lantejoulas, fita para decorar a máscara e o brilho que podem variar com diversas cores.

Dobre a folha e desenhe apenas a metade de uma máscara, você pode escolher dois tamanhos, o tamanho médio para crianças e o grande para os adultos. É importante que você desenhe apenas metade para que elas fiquem de tamanho iguais.

Recorte a máscara e não esqueça a parte do olho. Com crianças por perto, use sempre tesouras sem ponta para evitar que elas se machuquem. Pegue a máscara e coloque sobre o papel laminado para que você faça uma máscara com as mesmas medidas, depois, recorte o papel e cole sobre a máscara em branco.

A finalização será ao seu critério, a forma que você preferir decorar, se você estiver trabalhando com crianças, deixe que elas façam do seu jeito, para que sejam mais participativas.

Conclusão

O artesanato ganha grande referência quando o assunto é o trabalho artesanal com o papel, pois existe grande diversidade na criação e na sua execução.
Alguns podem ser até mesmo para complementar na decoração de festas ou decorar objetos e paredes de ambientes. Acima mostramos apenas algumas opções de trabalhos artesanais, mas existe muito mais opções, que ajuda na criatividade de cada um.

Portanto, não tenha medo de ser criativa, atribua opções aos seus trabalhos e tente sempre fazer coisas novas, o artesanato de papel nos dá essa liberdade.

 

 

 

Fonte imagens:

  1. www.artesanato.culturamix.com
  2. www.caderninhodamamae.com.br
  3. www.elo7.com.br
  4. Pixabay.com
artesão é livre de imposto ou não?

Artesão é livre de imposto?

 

 

Para conseguir analisar, uma operação de artesanato, é necessário primeiramente definir o conceito de artesanato. Artesanato são produtos confeccionados por um artesão, onde não exista a utilização de um trabalho assalariado.

Para classificar essa operação, o RICMS/SP, conta com uma definição de operação, que está artigo 1 do Anexo XXI.

E uma dúvida muito comum, de milhares de artesãos, é se o artesão é livre ou não do pagamento de impostos. Essa também é sua dúvida?

Confira agora tudo sobre se artesão é livre de imposto ou não.

Regulamentos do ICMS/SP

Para você que é de SP, o começo deste artigo é destinado a você.

O regulamento oficial do ICMS/SP – decreto nº 45.490/00, decreta a isenção do ICMS no momento da saída de produtos feitos por artesãos, que sejam destinados a um consumidor final, desde que os produtos sejam destinados por meio do próprio artesão, associação de artesãos ou cooperativa.

O mesmo anexo, prevê que a isenção, estimule as atividades culturais e artísticas, relativas á produções artesanais, em todo o Estado de São Paulo.

Artesão como empreendedor individual

Empreendedores individuais, são pessoas que trabalham por sua conta própria, e que sejam legalizados como pequenos empresários. A Lei Complementar n 128, com data de 19 de dezembro de 2008, criou as condições para artesão e artesã, que são conhecidos como trabalhadores informais, podendo assim, se tornarem Empreendedores Individuais, de maneira legalizada.

Para se enquadrar nessa lei, e assim se tornar um empreendedor individual – MEI- você terá de ter uma renda bruta anual de até R$ 81 mil, o que significa ter uma renda de até R$ 6.750,00 mensais.

Você também poderá ter somente um funcionário, com renda de até um salário mínimo mensal, ou mesmo o piso referente a categoria da função.

Para poder ser tornar um empreendedor individual – MEI – as atividades permitidas são serviços de estética, comércio, serviços de manutenção e reparação em geral, culinária e claro, artesanato.

O artesão empreendedor individual, é automaticamente enquadrado no Simples Nacional – se tornado assim isento de tributos federais, como CSLL, IPI, COFINS, PIS e Imposto de Renda.

Através da MEI, você pode pagar somente um valor, onde engloba todos os tributos, com um valor fixo, de aproximadamente R$ 57 mensais, e poderá ter acesso a benefícios como salário maternidade, aposentadoria por idade e invalidez, auxílio reclusão, pensão por morte, acesso a serviços bancários, incluindo crédito, solicitar um CNPJ, apoio técnico do SEBRAE em organizações de negócios, programas de capacitação específicos, isenção de taxas de registro de sua empresa e etc.

Os valores são atualizados anualmente, de acordo com o aumento do salário mínimo. E você pode contar com maiores esclarecimentos, tanto no que diz respeito aos benefícios de se tornar um profissional legalizado, o SEBRAE possui um curso online gratuito de empreendedor individual.

Passo a passo para MEI

Como você, artesão, já sabe em qual atividade você se encaixa, como também já sabe que tem direito de se tornar um empreendedor individual e assim, se manter livre de impostos, é dado o momento de explicar como você pode se cadastrar dessa especificação.

Você precisa somente acessar o portal do empreendedor:

http://www.portaldoempreendedor.gov.br/mei-microempreendedor-individual/como-se-inscrever

E nesse link a seguir, você encontra todo o manual de como você deve preencher corretamente:

http://www.portaldoempreendedor.gov.br/mei-microempreendedor-individual/manual.pdf

depois de efetuar o seu cadastramento, como microempreendedor individual – MEI – automaticamente terá um número de CNPJ, como também o número de inscrição na Junta Comercial, e assim, você não terá a necessidade de encaminhar qualquer tipo de documento para a mesma.

Depois de completar sua inscrição, imprima o certificado de condição de microempreendedor individual, seu carnê de pagamento mensal, o relatório mensal de receitas brutas, que no caso são uma para cada mês. Não se esqueça de ter toda essa documentação, para se manter formalizado.

O valor cobrado é fixo, e são valores correspondem ao INSS (5% do valor do salário mínimo), ou seja, será reajustado anualmente. Em alguns casos também são cobradas taxas municipais/estaduais, que vão depender do seu estado ou munícipio.

O pagamento dessa taxa, deve ser realizado até o dia 20 de cada mês, em casas lotéricas ou redes bancárias.

Esperamos ter resolvida suas dúvidas, sobre se artesão é livre de imposto, e ajudar você a entender como pode se formalizar, se manter dentro das regras fiscais e ainda contar com todos os benefícios que terá depois de se tornar um empreendedor individual formalizado. Em caso de maiores dúvida o recomendado é que entre em contato com um contador da sua cidade ou busque as áreas especializadas no SEBRAE da sua cidade.

como fazer flores com papel

7 ideias para fazer flor com papel

 

 

Flores de papel são excelentes opções de decoração e artesanato para você poder trabalhar e estimular seu lado artístico. Hoje iremos dar 7 ideias para fazer flor com papel, utilizando somente folhas de papel A4, e por meio de um passo a passo simples, você verá como pode ser fácil.

Através do artesanato, você consegue transformar simples matérias-primas, que muitas vezes são descartáveis em nosso dia a dia, em lindos artigos e peças decorativas.

Com somente uma folha de papel A4, por exemplo, você poderá criar lindas flores artesanais, podendo enfeitar diferentes ambientes, ou mesmo que sejam utilizadas em decorações de eventos e festas.

Verá que por meio de um processo bem simples, não exigindo maiores investimentos e habilidades, verá como você poderá encontrar a grande parte dos materiais utilizados, aí mesmo em sua própria casa. Confira.

Nas 7 ideias de flores para fazer com papel, verá como poderá ser feitas por qualquer pessoa, apenas tendo boa vontade e poucas noções de colagem e recorte.

#1 Flor de cartolina

flor de papel cartolina

A cartolina, um papel bem simples, ou com qualquer tipo de papel que você deseja, como color set, papel colorido, scrapbook ou folhas de revista, caso preferir, você pode fazer uma linda flor.

Você precisa inicialmente, riscar um espiral no papel, e depois ir cortando com a ajuda de tesoura.

Depois vá enrolando, fixando com cola branca, e deixe em um dos cantos de suas flores de papel, pressionadas, e depois das mesmas estiverem bem coladas, estarão prontas.

#2 Flor de papel com botões

Para fazer essa flor de papel, você vai poder utilizar papel colorido, cartolina ou o tipo de papel de sua preferência. Vai precisar somente de cortadores de papel, aqueles personalizados, ou então as flores uma a uma, com o auxílio de moldes.

Depois de feitas as flores de papel, você deverá colar uma miçanga ou um pequeno botão, bem no meio de suas flores de papel. Dessa maneira, terá uma flor de papel personalizada, podendo enfeitar algum artesanato, ou mesmo utilizar como decoração de uma festa.

#3 Flor de papel – copo de leite

flore de papel estilo copo de leite

Você já havia imaginado fazer uma flor copo de leite, somente de papel? É possível sim, bastando contar com a ajuda de moldes específicos para esse tipo de flor.
Basta você imprimi-los e depois transferir os mesmos para o papel, modelando com a ajuda dos dedos, da maneira que está sugerindo nossa imagem abaixo.
Depois cubra um palito de churrasco, pela metade, com papel de seda na cor branca, e você poderá utilizar como base para sua flor de papel estilo copo de leite.

#4 Flor de papel – papel higiênico

linda flor delicada feita com papel de banheiro

Você certamente nunca imaginou fazer uma guirlanda de flores, com tão pouco investimento! Isso mesmo, você pode criar uma linda flor de papel higiênico.

Além do papel higiênico, você vai precisar de alfinetes e isopor ou espuma para poder fazer uma base para a mesma. Depois é só contar com sua própria criatividade.
Faça um amontado de papel higiênico, com aproximadamente 10 cm, e depois basta cortar em círculos, e não existe a necessidade de o círculo ser completamente perfeito, fique tranquila.

Utilize cola quente, colando os círculos, fazendo o formato que você preferir para sua flor de papel, basta somente ir colando um a um. Depois basta colocar as flores em sua base, com o auxílio de alfinetes.

#5 Flor de papel – papel de seda

ramo de flores com papel seda

Pegue o papel de seda, na cor que desejar, e corte em forma de um retângulo, dobrando a parte do meio verticalmente, para poder cortar uma franja com a ajuda da tesoura.

Enrole as pontas de sua franja, e cole em um palito de churrasco, encapando o mesmo com papel de seda verde.

Caso acabe a tira, você deverá completar, com o auxílio de uma cola, inserindo a cola na parte de trás das franjas, e enrolando toda a composição, desde o começo do palito.

Vá descendo e preenchendo toda a extremidade superior, junto ao caule que você criou inicialmente.

#6 Flor de papel – papel crepom

flor com papel crepom com 2 cores

Você vai precisar cortar diversas pétalas para sua flor de papel crepom, e faça como se fossem ondas, utilizando fita adesiva dupla face, para colar a base inferior de um dos lados da mesma tira.

Enrole-as em um palito de churrasco e terá uma linda flor!

#7 Flor de papel – girassol

lindo girassol feito com cartolina colorida

Para fazer essa flor de papel, além dos materiais comuns, você vai precisar de um limpador de cachimbo, deixando o caule de sua flor mais firme.
O papel deverá ser em formato quadrado, com aproximadamente 10 cm de largura. Depois basta cortar as pétalas de seu girassol, e separar um círculo de 6 cm para fazer o miolo do seu girassol, como está na imagem abaixo.

Essas são algumas dicas de flores de papel, para você mesmo fazem em sua casa. Qual delas é a sua favorita? 😀

 

 

 

 

Fonte imagens:

  1. www.maxpixel.freegreatpicture.com
  2. www.ar.pinterest.com/pin/295056213061090053/
  3. www.sweetmetelmoments.blogspot.com.br
  4. www.comofazeremcasa.net
  5. www.craftinomicon.blogspot.com
vender artesanato internet

Como vender artesanato no elo7

 

 

Ainda estamos sofrendo alguns transtornos devido a última crise sofrida no país, muitas pessoas continuam desempregadas e buscando outros métodos para conseguir uma renda.

artesanato elo7

Uma das maneiras buscadas e com muito sucesso foi à venda de produtos na internet. A venda de artesanato no Elo7 proporcionou uma facilidade e interação gigantesca com o cliente, facilitando a vida do vendedor e transformando aquilo que era apenas uma forma de renda em um negócio muito lucrativo.
Entenda agora o que é, e como fazer para vender artesanato no Elo7.

O que é Elo7

pagina home

Considerada atualmente como uma das melhores plataformas para venda de artesanato e trabalhos manuais online. Possibilitando que o artesão tenha acesso a muitas pessoas sem precisar sair de casa para divulgar seu trabalho.

O que pode ser vendido?

Para comercializar os produtos na Elo7, eles precisam ser feitos ou personalizado por você. Como por exemplo: Materiais digitais, artesanatos, produções autorais, como CDs, livros, doces, matéria prima, e qualquer tipo de material ou produto artesanal.

Por outro lado, revender produtos ou serviços produzidos por terceiros, produtos importados e industrializados são proibidas.

Como vender no Elo7

Veja agora o passo a passo simples e fácil para você começar a vender artesanato hoje mesmo na Elo7.

Perfil do vendedor

Acesse o site Elo7 e vá ao final da pagina inicial na opção “Abrir minha loja”, seguidamente na opção “Cadastre sua loja”. Podendo efetuar o cadastro com o Facebook ou criar uma nova conta com e-mail e senha.

loja artesanato online

Dados da loja

Na opção “minha loja”, seguidamente para a opção “personalizar” você precisa editar os dados, completando o máximo de informação possível.

Pagamento

Depois de feito o cadastro e customização, defina as formas de pagamento. Será obrigatório utilizar o Moip, porém também poderá cadastrar o Paypal.

Cadastro de produtos

Cadastro de produtos artesanais

Aqui você coloca os itens que irá comercializar na loja. Entre na sua loja, e vá à opção “produtos”. Quando for cadastrar, preste atenção na descrição e nos títulos, pois são com eles que seus produtos serão encontrados pelo consumidor.

Como será a taxa cobrada

Sempre que vender algo, uma taxa será cobrada, porém tudo dependerá do tipo de anúncio que você fez.

Para os anúncios Plus será cobrada uma taxa de 18% e para o anúncio padrão será cobrado uma taxa de 12%.

Também todos os meses serão calculados uma taxa sobre os pedidos com frete calculado pelo vendedor e com a venda concretizada.

Todos os dias 10 de cada mês serão fechados à fatura de sua loja, contabilizando automaticamente os pedidos do mês que passou, com data de pagamento até o dia 15, ainda podendo cancelar os pedidos não concretizados até o dia 9 do mês.

Recebendo os valores

Os valores serão pagos na sua conta Moip ou Paypal, sendo necessário apenas fazer a transferência para sua conta bancária.

Dicas para vender no Elo7

Veja agora as melhores dicas para você vender artesanato no Elo7 de forma simples e constante.

Planeje a sua loja

Depois de abrir a loja chega o momento de planejar ela. Não caia na rotina e não deixe sua loja desatualizada. Deixe-a sempre com muitas novidades, personalizada e atrativa.

Organização da loja

Separe os produtos em categorias, facilitando a vida dos clientes. Separe os álbuns de acordo como achar mais vantajoso, porém não se esqueça da coerência. O importante é manter uma organização.

Títulos para produtos

Os títulos são as formas de como o cliente encontrará o seu produto. Buscando no site, eles encontram os produtos de acordo com o que escrevem no buscador. Portanto garanta que seu produto esteja cadastrado de forma correta e com a titulação correta.

Imagens

Sabemos as facilidades e vantagens de comprar na internet, porém também sabemos que não é possível experimentar nada, tendo como referencia apenas as fotos e imagens disponibilizadas pelo fornecedor.

Utilize fotos de qualidade, com muita nitidez, e com todos os detalhes possíveis do produto.

Foque no atendimento

Assim que receber o contato de algum cliente, não o deixe esperando e já comece o atendimento. Seja bem claro e não o deixe com nenhuma dúvida.

Formas de pagamento

Quanto mais opções de pagamento você oferecer para o seu cliente, mais fácil será para ele concretizar a compra. Oferecendo apenas o depósito bancário poderá afastando aqueles que preferem utilizar o cartão de crédito ou que não possuem dinheiro no momento.

Destaques

O site proporciona oportunidade de destaques para aumentar as vendas. Um serviço pago, porém opcional.
Basicamente este serviço irá oferecer um destaque para os seus produtos, deixando-os em evidencias no site e facilitando que os futuros clientes os encontrem no site.
Ao todo podem ser até 16 produtos em destaque pelo valor de R$59,90 por 30 dias, no valor de R$109,90 por 60 dias e R$ 149,90 por 90 dias de destaque.

Elo7 é uma plataforma que veio para facilitar a vida do artesão, onde seu foco será em produzir e não se preocupar tanto em divulgar o produto, pois além de ter um alcance de muitas pessoas, possui ferramentas que ajudam na comercialização.

 

 

 

 

Fonte imagens

www.pixabay.com

como fazer envelopes

Ideias de como fazer envelopes de papel

 

 

Com a tecnologia e todas suas facilidades, a prática da escrita foi praticamente deixada de lado, infelizmente! Um dos hábitos mais saudáveis para conseguir a manutenção de atividades cerebrais, é a prática da escrita, vocês sabiam?

E mesmo que você não tenha o intuito de escrever cartas, e deseja algumas dicas de como criar diferentes envelopes de papel. Como? Utilizando jornais, papéis de revista e etc., e você pode utilizá-los para inúmeros objetivos, desde convites para festas, ou mesmo para demonstrar o apreço por seus clientes, amigos ou quem você desejar.

Confira com a gente agora, dicas de como fazer envelopes de papel.

Quando se deve utilizar envelopes criativos?

Existem inúmeras atividades, como também eventos, que pedem uma maior dedicação de nossa parte, não é mesmo? Além das atividades corriqueiras do dia a dia, vira e mexe, surge algum evento que saia do esperado, ou alguma atividade que solicite um maior cuidado, como envio de convites de formaturas, aniversários, reuniões entre amigos, convites de casamento e etc.

São nessas situações, que comumente, temos a necessidade enviar um envelope diferente, até mesmo para conseguirmos economizar em tempos de dinheiro mais curto, como vivemos atualmente.

E tenha certeza, esse gesto será altamente apreciado por quem o receber, e será lembrando por muito tempo!

Confira agora algumas ideias de envelopes lindos e criativos, deixando seus convites e envios ainda mais diferenciados.

Como fazer envelopes de papel

Fazer envelopes criativos e ao mesmo tempo muito bonitos, é algo muito simples. Através de nossas dicas, você vai poder começar a praticar essa linda arte, e depois utilizar sua criatividade pessoal, incrementando cada vez mais suas próprias peças.

Para fazer seus envelopes, você vai precisar inicialmente de um molde (clique aqui para pegar um molde básico). E com esse molde, você poderá fazer diferentes modelos, mas que os mesmos tenham a medida correta, fazendo sempre envelopes de maneira uniforme.

Para fazer seus envelopes de papel, recomendamos que utilize papel cartão, primeiramente para fazer o seu molde, ou então, papelão, que pode ser feito através de caixas antigas de sapatos.

Pegue algum envelope que você tenha em sua casa, e utilize-o como molde, para conseguir fazer basta você abrir o envelope delicadamente, e você terá um excelente molde.

Depois do molde feito, você poderá criar inúmeros tipos de envelopes. Uma boa dica, é utilizar revistas velhas, que fica muito diferente e ao mesmo tempo muito descolado. Você também pode usar papel decodo como esses deste link aqui.

Sendo possível também a produção de envelopes artesanais, para festas de crianças, natal, páscoa e etc.

Envelope de tecido

Se você deseja um envelope mais charmoso e enfeitado, o envelope de tecido certamente é a melhor opção. Você poderá escolhera estampa de sua escolha, sedo ela desde a mais descontraída, ate as estampas mais elegantes.

Para confeccionar o seu envelope de tecido, você vai precisar somente de papel cartão colorido, tecido de algodão estampado, cola, tesoura e caneta. Pegue o papel cartão o dobre-o em uma de suas metades, deixando uma delas para o lado de cima. Pegue a cola, passando nas laterais e mantenha pressionando com os dedos, até que as mesmas se mantenham bem fixadas.

Depois de já fixadas, é o momento de pegar o tecido, medindo do mesmo tamanho que seu envelope, e recortando com o auxílio da tesoura, passando cola na superfície e colando o tecido sobre o envelope. Fixe bem o tecido, para evitar que se formem bolinhas em seu envelope.

Depois basta aplicar cola, sobre cada um dos recortes e fixar na superfície de seu envelope. Recomendados colar somente algumas bolinhas de cola no tecido, evitando que a cola se espalhe por completo e deixe um aspecto “grudento” demais em seu envelope. A dica é utilizar um ferro de passar roupas, ajudando na fixação do tecido.

Envelope de coração

envelope no formato de coração feito com papel

O envelope em formato de coração, pode ser eito com papel de scrap, tecido engomado, papel colorido, papel craft ou papel com tecido.

Basta usar sua imaginação, deixando a criatividade fluir e falar mais alto!

Para fazer o envelope de coração, você vai precisar de algum dos tipos de papéis citados acima, cola, tecido de algodão, ferro de passar e tesoura.

Primeiro você deve laminar o tecido, cortando do tamanho que você deseja para o seu envelope, colando o tecido, e passando o ferro de passar roupas, ajudando na fixação do mesmo.

Depois basta desenhar um coração na parte de dentro do papel e recorte o mesmo no formato de coração. Dobre o coração, com a ajuda de uma régua para deixa-lo mais firme, mas tenha cuidado para não acabar rasgando o material.

Com todas as dobras feitas, você terá um lindo e delicado envelope, podendo ser finalizado com alfinetes, botões ou somente colocar a aba para o lado de dentro, por isso o formato de coração para poder efetuar as dobras.

Lindo, não é?

Utilize nossas dicas de envelopes de papel, e deixe seus envios, correspondências ou convites, ainda mais com sua cara e gastando menos, é claro!

 

 

 

Fonte imagens

  1. www.auntannie.com
  2. www.elizadomestica.com
  3. www.pixnio.com
  4. www.mommysavers.com

 

7 ideias de lembrancinhas personalizadas, feitas com papel

 

 

O papel é certamente o material mais reutilizável atualmente. Com esse material várias coisas podem ser feitas, entre elas, lembrancinhas para aniversários, para casamento, eventos importantes, datas comemorativas entre outras oportunidades.

Pensando nisso, trouxemos hoje 7 ideias de lembrancinhas personalizas, feito exclusivamente com o papel, para que você consiga decorar tanto o ambiente da sua casa ou de algum evento.

Vamos lá?

7 ideias de lembrancinhas personalizadas, feitas com papel:

– Buque de rosas feito com jornal

Como uma das lembrancinhas em festa de casamento, o buque de rosas feitos com jornal é uma ótima opção para deixar o ambiente chique, casual e atraente, essa é certamente uma das lembrancinhas que todo mundo vai adorar.

Para você conseguir fazer o buque de rosas você irá precisar:

• Folhas de jornal velho (pode ser folhas de livro);
• Tesoura;
• Pistola de cola quente;
• Arame (haste da flor);
• Fita;
• Moldes (imagem da rosa);

O arranjo de flores deve ficar assim:

flores com papel jornal

– Sacola de papel para presentes

Uma forma bem simples de você economizar dinheiro é você mesma fazer as suas sacolinhas de lembrancinhas para o aniversario ou evento do qual você está pensando em promover, além de serem simples e rápido de fazerem, a sua festa não irá perder o estilo.

Para que você consiga fazer a sacolinha personalizada, você irá precisar:

• Tesoura;
• Furador de papel;
• Laço ou alcinha;
• Folha de scrapbook
• Durex transparente;

A sacolinha personalizada deve ficar assim:

sacola para lembrancinhas

– Cestinha de papel como lembrancinha

Outra forma de a sua festa ser lembrada, principalmente pela belíssima lembrancinha que você deu, trouxemos outra ideia de lembrancinha para se fazer com papel.
A cestinha, além de poder ser utilizada para decorar a casa, é um charme e muito bem vista em vários ambientes de aniversários ou eventos específicos.

Para você conseguir fazer a cestinha de lembrancinha, você irá precisar:

• Papel colorido;
• Tesoura;
• Cola (ou fita adesiva);
• Lápis;
• Régua;

No final a cestinha vai ficar assim:

caixa de papel ideal para festas

– Balão feito de papel para lembrancinha

Outra forma de você arrasar com lembrancinhas de festa é fazendo um balão feito inteiramente de papel.
Esses tipos de objeto, dificilmente passam despercebidos pelos convidados, não à toa, com o molde e as cores certas você vai conseguir arrasar.

Para que você consiga executar essa lembrancinha, você irá precisar:

• Rolinhos de papel Higiênico;
• Barbante;
• Lápis;
• Cola;
• Tesoura;
• Molde o balão;
• Perolas Auto-Colante;
• Papel (pode ser papel scrapbooking ou o papel cartão, a cor também você pode escolher a que quiser, ou variar);

Por fim, o nosso balão deve ficar como esse:

balão para festas

– Cone de papel

Outro modelo de lembrancinha que está fazendo muito sucesso nos chás de bebe, é o cone de papel. Muito sofistica, ele consegue chamar atenção logo que as pessoas o notam.

Tudo porque, ele é um tipo de lembrancinha que você consegue brincar com as cores, fazendo tipos de modelinho e criando novas técnicas para elabora-lo. E é incrível como ele realmente fica muito lindo e decora muito bem o ambiente.

Para você conseguir elabora-lo, você irá precisar:

• Tesoura;
• Etiquetas adesivas;
• Fitas adesivas;
• Papel decorado;
• Algum doce para colocar dentro;

Ao final, o cone deve terminar assim:

– Carrinho de bebe feito com papelão

Outra dica incrível que decidi mostrar para vocês como lembrancinhas, é um carrinho de bebê feito com papelão, do qual você pode encontrar em diversas papelarias, sem custar muito.

Tem algo mais econômico do que isso?

E o melhore de tudo, é que além de ser econômico, ele também fica lindo como lembrancinha para chás de bebê também ou aniversários de um ano.
Para a execução do trabalho você irá precisar de:

• Papel cartulina; (vende em papelarias tradicionais);
• Lacinhos;
• Botões;
• Fita de cetim (a cor que preferir);
• Cola quente;

Após concluído, a lembrancinha deve ficar assim:

carrinho de bebe com papel

– Caixa de cartolina com molde de coração

Decidimos deixar essa caixa de coração como a nossa última opção porque, caso você recuse todos os moldes acima, essa certamente será a sua escolhida.
Essa lembrancinha, serve para todos os tipos de aniversários, como também para eventos ou decorações especiais, pois ela consegue trazer muito charme para o ambiente e rapidamente deve conquistar os convidados.

O melhor é que todo o material usado nela, você pode encontrar nas principais papelarias e por um baixo custo.

Os materiais necessários para a execução desse trabalho é:

• Papelão grosso;
• Cartolina (você pode escolher a cor preferida);
• Fita adesiva;
• Tinta PVA branca;

No fim do trabalho, ela deve ficar com um molde parecido a esse:

Conclusão

Existe vários modelos de lembrancinhas que pode ser feito com papel, no post de hoje trouxemos apenas alguns exemplos para você ver que mesmo sendo feito de papel, eles podem ser muito bem personalizados e ganhar uma aderência totalmente profissionais, podendo ser como decoração de qualquer tipo de festa e evento.

 

 

 

Fonte Imagens

  1. www.trabalhomanual.com.br
  2. artesanatonarede.com.br
  3. www.elo7.com.br
  4. www.elo7.com.br
  5. br.pinterest.com
  6. www.elo7.com.br
  7. PxHere.com
Divulgar artesanato usando internet

Dicas Valiosas Para Divulgar Seus Artesanatos

 

 

Para que qualquer empreendedor tenha sucesso em suas vendas, é fundamental elaborar uma boa divulgação. Você pode ter os melhores produtos do mercado e ser um profissional excelente, mas se o mundo não souber disso, seu talento ficará enferrujado e seus produtos estocados.

Com o artesanato não é diferente. As pessoas ao seu redor precisam saber do seu trabalho. Para isso você pode contar com alguns meios de divulgação que vão desde os mais clássicos até os mais atuais. Todos com o seu grau de eficiência bem definidos.

Uma das formas mais antigas de propagar seus produtos é o famoso “boca a boca”. Você comunica aos seus amigos e familiares que está trabalhando com artesanato e daí eles vão repassando a informação. Alguns acreditam que esse é o meio mais eficiente para ganhar credibilidade.

Pode até ser, mas o número de clientes a ser atingido pode ser muito limitado e bastante demorado. Além disso, será uma tarefa bem árdua mostrar seus trabalhos de um a um. Agora, se você fizer uso da Internet, suas divulgações, vendas e número de clientes vão alavancar de uma maneira surpreendente.

Como Divulgar Seus Artesanatos Na Internet

Em 2017 a Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD – Sigla em inglês) divulgou um dado interessante. Em um relatório sobre economia digital, a UNCTAD anunciou que o Brasil está no quarto lugar no ranking de usuários da internet. São 120 milhões de internautas conectados no mundo virtual.

Pare e reflita sobre esse dado! 120 milhões dos brasileiros se encontram na internet. Um número gigantesco de pessoas está conectado no mundo virtual. Ou seja, isso significa que boa parte dos seus clientes está na internet! Por isso, é essencial que você a utilize na divulgação dos seus trabalhos. E para te ajudar nesse trabalho, vamos te apresentar uma série de ferramentas virtuais que você pode se beneficiar.

Facebook

Com mais de 2 bilhões de usuários, o Facebook é a rede social mais utilizada no mundo inteiro, segundo seu criador Mark Zuckerberg. Logo, ela se constitui como um instrumento poderoso para publicar seus trabalhos. Pois além de divulgar seus artesanatos você pode até mesmo vende-los por meio da rede. E ainda pode extrapolar as fronteiras do Brasil e atingir pessoas do outro lado do mundo!

Para isso, basta que você crie um perfil no Facebook e logo em seguida já pode gerar uma página na rede. E é nessa página que você irá publicar informações, fotos e vídeos sobre seus artesanatos.

O Facebook conta com uma ferramenta chamada Facebook Ads, que direciona suas publicações para o público certo. A partir de alguns critérios como idade, cidade, sexo, entre outros, você é quem escolhe a audiência que deseja atingir.

A partir de um orçamento de R$ 20,00, por exemplo, você já atinge um bom número de usuários com uma única publicação. Porém, não basta elaborar um lindo post com informações bem completas sobre seu produto e levar séculos sem publicar outro.

Você precisa entender que o Facebook é uma rede social, ou seja, é uma ferramenta de relacionamento. É fundamental estar atualizando sua página constantemente por meio de fotos, vídeos, novidades para atrair novos clientes… Criar promoções também é uma excelente opção para o compartilhamento de publicações, pois podem atingir ainda mais pessoas.

Instagram

O Instagram também é outra ferramenta de sucesso para divulgar seus produtos. Com 35 milhões de usuários somente no Brasil, o número de artesãos utilizando a rede para trabalho tem sido cada vez maior.

O Instagram é excelente para quem não larga o celular. Você pode tê-lo como aplicativo em seu aparelho telefônico e administra-lo na hora e no lugar que quiser. Ele está disponível na App Store, Goole Play Store e na Microsft Store. É só você acessar uma dessas lojas virtuais e baixar o aplicativo.

Depois de baixa-lo crie uma conta e preencha todo o seu perfil. Publique imagens e vídeos de boa qualidade para que seus artesanatos tenham uma aparência mais atraente. Também é importante que você envolva seus clientes através de promoções, concursos ou sorteios. Pedir a opinião deles sobre algum produto também aumentará o nível de relacionamento.

YouTube

Se você é uma pessoa comunicativa e se expressa bem na frente das câmeras, pode usar e abusar desta ferramenta. O YouTube é um site de compartilhamento de vídeos e considerado o segundo maior buscador da internet.

É cada vez maior o número de pessoas que assistem aos vídeos se comparado com os posts. Por isso, vale a pena gravar vídeos falando sobre seu trabalho. Você também pode filmar seu ateliê, onde trabalha e até mesmo todo o processo de fabricação do seu produto.

WhatsApp

O WhatsApp é sem dúvida a rede social que estabelece a aproximação entre cliente e artesão de uma forma mais eficiente. Quando você dá seu número do WhatsApp para um cliente ele vai entender que você confia nele.

A partir daí, qualquer novidade que tiver em relação aos seus produtos você pode informar aos seus contatos. O WhatsApp também disponibiliza um recurso chamado Status, onde você publica uma foto, informação ou vídeo de apenas 30 segundos sobre o seu dia. Muitos empreendedores tem tido sucesso com esse recurso.

Só tente estabelecer um equilíbrio com o trabalho e sua vida pessoal. O ideal é utilizar um número de WhatsApp somente para trabalho e outro número para família e amigos próximos. Quando for divulgar seus artesanatos em outros meios, coloque apenas o número de trabalho.

Com essas dicas valiosas você pode escolher qualquer meio para divulgar os seus artesanatos. Ou até mesmo, utilizar todos eles. Basta que se organize, crie conteúdo e planeje uma rotina de divulgação. Certamente, seus artesanatos terão um sucesso incrível.

 

Você já utiliza algum deles? Deixa um comentário abaixo dizendo como você faz para divulgar seus artesanato:

 

 

 

Fonte imagens:

www.pxhere.com

dicas para fazer atelier para artesanato

Como Montar Um Atelier De Artesanato Em Casa Com Baixo Custo

 

 

Em meio a periodos de crise financeira , muitos não veem saída para se manter. A maioria dos brasileiros perde seu emprego e são obrigados a abrir mão de seus próprios sonhos. Diversas pessoas ficam endividadas com faturas de cartão, conta de luz, telefone, água,… E outras tantas ficam sujeitadas a pedir empréstimos para bancos.

Porém, apesar de todas as dificuldades financeiras, há uma parcela da população brasileira que não se deixa vencer. Essa parcela muito mínima, mas que vem crescendo diariamente saiu de sua zona de conforto para alcançar lugares altos. Tanto que alguns deles viraram notícia em vários meios de comunicação.

Estamos falando de ninguém mais que os empreendedores! Pessoas visionárias que olharam por cima da crise e avançaram em direção ao sucesso. Foram totalmente na contramão da realidade brasileira e conquistaram salários sempre desejados pela maioria dos assalariados.

É claro que empreender no Brasil ainda é algo muito novo. Mas, é graças a periodos de crise que cada dia mais as pessoas têm conhecido e se apaixonado por esse ramo de negócios. É através do empreendedorismo que os trabalhadores podem conciliar sonho com um excelente salário. Indo totalmente contra a ideia que sempre nos foi imposta desde pequenos: ou você trabalha com o que gosta e morre de fome ou é rico fazendo o que detesta.

E as vendas vieram com tudo nesse meio. Os profissionais especialistas em suas áreas vendem o seu conhecimento e vão atrás dos seus sonhos. E não são apenas produtos que são vendidos. Os clientes adquirem autoestima, satisfação e realização pessoal, alegria de viver, novos amigos,… E com o artesanato não é diferente. Se você sonha em montar um atelier de artesanato e viver da arte sem ter que passar fome, não deixe de ler esse artigo até o final.

O Artesanato É Um Bom Negócio Para Se Investir?

O empreendedorismo te permite investir no produto que quiser. Pode ser desde um alto negócio até um simples doce. O que vai fazer a diferença no seu sucesso serão o planejamento e a exclusividade do seu serviço. Se você é especialista no ramo do artesanato use seu talento para oferecer novidades para os seus clientes.

Você deve investir, por exemplo, em peças que tragam novidades para o seu público além de superar a qualidade do que já existe no mercado. Afinal, de nada vai adiantar você montar um atelier todo produzido se o que você oferece já está ultrapassado.

De modo geral, o artesanato é sim um ótimo negócio para se investir. Mas você deve encara-lo como um trabalho, um empreendimento, e não como um simples hobby casual. Você deve sempre se capacitar e buscar na internet ferramentas que possam te auxiliar na divulgação do seu produto e assim atrair mais clientes. Pesquise também o seu público-alvo e o que eles estão procurando de fato. Assim, seu sucesso estará garantido.

Como Faço Para Montar Um Atelier De Artesanato Sem Gastar Muito?

atelier feito com materiais simples

Uma boa maneira para começar a montar seu atelier é fazendo uma lista com todos os materiais que você vai precisar. Aproveite a tecnologia de hoje e pesquise na internet o melhor preço, as melhores peças, as melhores lojas,… Tente avaliar também a qualidade dos materiais. Nem sempre o produto mais caro é o melhor.

Se sentir necessidade vá às lojas físicas e peça ajuda as atendentes. Só não pare na primeira loja. Geralmente, os vendedores das lojas de artesanato possuem um bom conhecimento na área. Mas infelizmente, isso não é uma regra em muitos estabelecimentos. Por isso, reserve um horário para pesquisar em bastantes lojas.

Outra dica bem interessante é você fazer uso do que já possui em casa. Dê uma olhadinha em sua residência e veja se tem algo que você não gosta mais para poder aproveitar. Uma mesa ou cômoda que está há muito tempo parada pode ser muito útil para o seu atelier. Mas faça uma boa seleção para não abarrotar seu atelier com coisas que certamente você não irá utilizar.

Como Faço Para Organizar Meu Atelier De Artesanato?

sala decorada para fazer artesanato

O passo inicial é escolher o cômodo para montar seu atelier de artesanato. Analise bem o cômodo escolhido e veja se todos os móveis poderão se acomodar. Veja também se sobrará algum espaço para a locomoção das pessoas. Se estiver tudo certo, esvazie-o por completo, se possível for, deixe somente um espaço para os móveis do seu atelier.

Separe o seu material de trabalho e deixe todos os seus instrumentos em um lugar que seja fácil de acessar. Organize os materiais pequenos em gavetas (caso haja uma cômoda com gavetas) para não correr o risco de perdê-los. Vale ressaltar também, que o ambiente deve estar bem limpo, perfumado, com boa ventilação e leve para auxiliar na criatividade de um bom artesão.

E pronto! Viu como é simples montar seu atelier de artesanato?! Em poucos dias você pode montar. Por isso, não tenha medo de investir em seus sonhos. Pegue papel e caneta e comece agora mesmo a planejar seu atelier.

 

 

Fonte imagens

  1. www.pinteret.com
  2. Pixabay
  3. www.hgtv.com